Google+ Followers

Chilli com carne


Quem aí não gosta de chilli com carne e feijão, bom sujeito não é :)

Prato típico mexicano, já faz parte do cardápio brasileiro.

Sou suspeita, porque gosto de tudo que vai carne moída e feijão.

Não é bicho de sete cabeças, então vamos?

Ingredientes

1 kg de carne moída de primeira (usei patinho)
1 linguiça calabresa picada (opcional)
150 g de bacon picado
4 dentes de alho amassados
500 g de feijão carioca cozido al dente
(cozido com 2 folhas de louro e 1/2 colher de chá de sal)
sal a gosto
2 tomates picados
1 cebola grande picada
1 colher de sopa de colorau
cheiro verde picado a gosto (salsa e cebolinha)
1 colher de chá cheia de pimenta chilli em pó (encontrada em grandes redes ou lojas especializadas em temperos típicos)
1 pimenta dedo de moça picada
1 lata de extrato de tomate

Modo de fazer

1. Inicie o processo colocando o feijão para cozinhar numa panela de pressão, com o louro e 1/2 colher de sal. cubra com água no limite do feijão e mais uns 3 cm a mais. Verifique de tempos em tempos, pois não deve ficar muito mole. O ideal é que os grãos fiquem firmes. O tempo varia de acordo com fogão, panela e marca de feijão. Geralmente não passa de 30 min. Depois de cozido, retire o louro. Reserve com o caldo.

2. Em outra panela de fundo grosso, coloque o bacon e a linguiça para fritar. Depois de fritos, reserve.


3. Na mesma panela, coloque o alho e deixe dourar um pouco. Coloque a carne em seguida e mexa bastante para não grudar e até ficar cozida.






4. Junte a cebola e o tomate e deixe cozinhar um pouco mais até perder o líquido.




5. Adicione o colorau, sal a gosto, a pimenta em pó, pimenta dedo de moça picada e o extrato de tomate. Mexa bem. 

6. Coloque a linguiça e o bacon fritos e misture.


7. Por fim, adicione o feijão cozido com um pouco do caldo e misture tudo. Prove o sal e veja se não ficou seco, aí acrescente mais caldo que sobrou do feijão cozido.


Sugestões
- sirva com doritos ou com tortillas (Rap 10 da Pullman, que encontramos em mercados facilmente. Veja a foto do produto nesse post).
- na hora de servir, pode também acrescentar queijo mussarela ralado, fica uma delícia!!!




Lombo de porco com molho de ervas frescas e laranja


Eu tinha um certo preconceito com lombo de porco porque acho a carne meio seca. Mas aprendi que devemos comprar peças pequenas, de preferência até 1 kg...são mais tenras e não ressecam. 

Fiz o teste e é verdade... por isso decidi fazer um molho de ervas frescas com suco de laranja. Experimente também usar suco de uva branca... delicinha :))

Ingredientes

1 peça de lombo suíno de no máximo 1 kg
2 dentes de alho amassados
pitada de pimenta do reino branca 
sal a gosto
suco de 2 laranjas (uma para deglacear*)
ramos de alecrim, tomilho, orégano e manjericão frescos (se não tiver algum destes, não deixe de fazer - use o seco mesmo)
1 colher de sopa de margarina
+- 1 copo de água 
1/2 xícara de suco de uva branca ou vinho branco 
1 colher de chá de maizena

Deglacear - do francês “Déglacer” a deglaçage (deglacear) é a ação de acrescentar um meio líquido (água, vinho, sucos, fundos e afins) em uma panela ou assadeira com a finalidade de desprender e reidratar parte dos sucos, líquidos e gorduras proveniente dos alimentos assados ou salteados e assim acrescentar mais sabor ao líquido resultante, que poderá entrar na preparação do alimento em questão. É a ação oposta do “glacer” (formação do glace).
http://diariodochef.com.br/glossario/

















Modo de fazer

1. Tempere o lombo com o alho, sal, pimenta e deixe marinar umas 3 horas antes do preparo.

2. Aqueça a margarina numa refratária que vai ao forno (se não tiver, use um tabuleiro pequeno) e coloque o lombo para grelhar dos dois lados até ficar dourado.

3. Na mesma vasilha, adicione as ervas frescas e em seguida jogue, aos poucos, o suco de 1 laranja e a água para deglacear (Vide explicação acima).

4. Quando estiver fervendo esse líquido, leve a carne ao forno para assar até que fique macia (+- 30 min, dependendo do forno).

5. Retire do forno, coloque a carne numa travessa e fatie. Reserve.


6. Pegue a mesma travessa em que assou o lombo, devolva ao fogo e faça o segundo processo de deglacear. Dessa vez, adicione o suco da outra laranja e o suco ou vinho, misturados com a maizena. Mexa bem até ficar mais encorpado.

7. Coe essa mistura e jogue o caldo por cima da carne fatiada. Sirva quente. 

Sugestão: use uvas brancas cortadas ao meio, sem semente, ou raminhos de alecrim fresco para decorar.


Caldo de abobrinha light


De vez em quando não faz mal tomar um caldinho light né.
Essa receita foi cedida pela amiga de trabalho, a Carla, que assim como eu, gosta de inventar moda na cozinha. Obrigada companheira de dieta :)

Você precisa de:

Ingredientes

2 abobrinhas verde em cubo
água quanto baste para cozinhar
1 cubo de caldo de frango vitale
1/2 cebola picada
1 dente de alho inteiro
sal e pimenta do reino a gosto
1 colher de sopa de curry (se não gostar substitua por açafrão)
coentro ou salsa picados a gosto
2 colheres de sopa de queijo ralado (light ou minas frescal é melhor)

Modo de fazer

1. Coloque numa panela a abobrinha picada, caldo de frango, cebola, alho, sal, pimenta do reino, salsa e curry.



2. Adicione água apenas o suficiente para cobrir os ingredientes.

3. Leve para cozinhar até que a abobrinha fique macia.

4. Bata no liquidificador e sirva quente, com queijo ralado por cima ou ainda, 2 castanhas do pará trituradas em pedaços grandes (dica da Carla!!!)




Frango indiano-asiático


Amei essa receita.
Simples, fácil e daquelas que todo mundo diz: posso repetir?
O frango fica macio e o molho suculento, com alguns temperos típicos da culinária asiática.


Você vai precisar de:

Ingredientes

1 kg de sobrecoxas de frango sem pele e desossadas
1 vidro pequeno de leite de coco
1 colher de sobremesa de curry
1/2 colher de chá de cominho
2 dentes de alho amassados
sal a gosto
raspas de meio limão
1 colher de chá de molho de pimenta ou chilli em pó (1/4 de colher de chá)
fio de óleo
coentro picado a gosto

Modo de fazer

1. Lave e tempere o frango com todos os ingredientes, menos o óleo. Deixe marinar por pelo menos 2 horas.

2. Aqueça uma grelha ou frigideira antiaderente com fio de óleo.

3. Retire o frango do tempero e escorra bem numa peneira. Reserve o caldo.

4. Grelhar o frango dos dois lados, deixando dourar bem até perceber que está cozido. Reserve.

5. Na mesma panela que grelhou o frango, despeje o caldo do tempero e deixe ferver até engrossar um pouco. Prove. Se faltar algum tempero, adicione nesse momento.

6. Jogue o molho por cima do frango e coloque coentro picado por cima.

7. Sirva com arroz branco e uma saladinha verde (gosto muito de misturar rúcula com manga picada e hortelã, temperando com azeite de oliva e limão).








Iogurte caseiro

Delicinha caseira que ajuda bastante quando estamos de dieta - ou não!

Veja essa matéria:

Em virtude da presença de fermentos lácteos, o iogurte possui propriedades nutricionais benéficas: além de aumentar a longevidade, é de fácil digestão, o que faz dele um produto muito bom para pessoas com problemas gastrointestinais. Também auxilia no bom funcionamento do intestino e contém cálcio que ajuda no fortalecimento dos dentes. Pode ser indicado em casos de osteoporose e para mulheres que precisam repor o cálcio no período da menopausa.
O iogurte pode ser encontrado em diferentes versões e são divididos em categorias, como naturais e desnatados, fazendo parte tanto da alimentação de pessoas que optam por uma nutrição equilibrada, quanto daquelas que estão de dieta. O iogurte natural contém proteínas, carboidratos, vitaminas e sais minerais. O desnatado contém as mesmas propriedades nutritivas, porém com uma redução de gordura que lhe confere baixo valor calórico, sendo indicado para quem quer emagrecer e controlar o índice de colesterol.

Além de tudo isso, sacia a fome por mais tempo se adicionamos aveia, linhaça ou granola e uma fruta da estação.

Eu prefiro fazer em casa, porque rende mais ( um potinho rende um litro) e não fica azedo.

Ingredientes

1 litro de leite light (compro o de saquinho, fica mais gostoso)
1 potinho de iogurte natural desnatado (pode usar só o natural)


Modo de fazer

1. Ferva o leite e deixe amornar.

2. A temperatura ideal tem um truque: coloque o dedo no leite e tem que aguentar por 10 segundos. Pode parecer engraçado, mas dá certinho.

3. Adicione o iogurte, passado por peneira, diretamente no leite. 

4. Misture bem e transfira para uma vasilha de vidro ou de plástico com tampa.

5. Deixe num local por umas 8 horas, sem mexer. (Normalmente deixo no forno do fogão).

6. Pronto, só servir. Conserve em geladeira em vasilha tampada.


Para fazer iogurte de morango:

1 xícara de morangos picados
1 caixa de gelatina sabor morango
4 colheres de sopa de açúcar
200 ml de água quente

1. Dissolva a gelatina com a água quente e adicione açúcar.

2. Leve para bater em liquidificador o iogurte pronto (1 litro), a gelatina dissolvida e os morangos. 

3. Coloque na geladeira e sirva depois de 3 horas.






Camarão assado no sal grosso

Camarão "de mercado" já é gostoso, ainda mais quando vem do Nordeste, trazido pela titia Luzia, diretamente de João Pessoa - fresquinho e não é criadouro!!!! Aff :))

Essa receita me dá água na boca, nunca havia testado... Deu certinho, mas tem que comer assim que tirar do forno (senão solta água e pode ficar salgado).

Ingredientes

400 g de camarão grande - cinza com cabeça 
2 dentes de alho amassados
1 colher de chá de páprica picante
sal e pimenta do reino a gosto
fio de azeite de oliva
suco de 1/2 limão

Modo de fazer

1. Lave o camarão e escorra.

2. Tempere com o alho, sal, pimenta do reino, limão, páprica e o azeite.


3. Num refratário, forre o fundo com +- 250 g de sal grosso.

4. Aqueça o forno e coloque o refratário com o sal para aquecer por meia hora.


5. Após esse tempo, coloque os camarões em cima do sal e deixe assar por uns 5 min. de cada lado.

6. Retire e sirva em seguida!!!


Acompanha bem arroz branco e seleta de legumes com maçã picada!









Biscoito de polvilho da vovó


Receitinha infalível, com sabor de infância.

Meus kids adoram, ainda mais com o valor afetivo, sabendo que foi a bisa que fazia e vovó Maria perpetuou a receita, para Nossa Alegria :)


Ingredientes

2 copos (de requeijão) de polvilho doce caipira, que se adquire em feiras (pode usar o industrializado, que compramos no mercado, mas aí cuidado com o ponto)
3 colheres de sopa de margarina
1 pitada de sal (serve para ressaltar o sabor do doce - dica de vó)
3 ovos
3/4 copo (de requeijão) de açúcar


Modo de fazer

1. Numa vasilha misture o polvilho, açúcar, sal e margarina.

2. Vá adicionando os ovos um a um até o ponto de massa de biscoito ( que enrola com facilidade). Não pode ficar duro nem muito maleável. 

Dica: se ficar mole com os 3 ovos, adicione polvilho até o ponto.

3. Modele os biscoitos no formato que desejar e coloque para assar em tabuleiro untado com um pouquinho de margarina.

4. Assar em forno moderado até começar a corar.







CASSOULET


Prato de origem francesa e que tem várias versões.
No sudeste, especialmente no RJ fazem bastante. Eu me apaixonei desde que fiz a primeira vez.
Eu chamo de feijoada branca, embora possa ser feita com frango, carne de porco, carnes secas, linguiças, enfim, permite muita variação.

Essa é a versão que mais gosto de fazer, porque faço com carne de porco fresca. Tem vários passos, mas não é difícil, basta preparar tudo com antecedência que dá certinho!

Vale a pena, o resultado é um lindo, cheiroso e saboroso prato, além de ser bem completo! Basta um arroz branco e pronto! Sucesso!


1ª etapa
Ingredientes
500 g de feijão branco
3 dentes de alho picados
1 raminho de buquê garni (mistura de várias ervas frescas amarradinhas com um barbante) feito com salsa, louro, alho poró e tomilho 
água quanto baste para o cozimento
1 colher de chá de sal
pitada de pimenta do reino 
1 cebola com cravos espetados (dá um perfume incrível)



1. Deixe o feijão de molho em água no dia anterior. Umas 4 horas antes de servir, já no dia seguinte, lave o feijão e escorra. Leve para cozinhar com todo os temperos por mais ou menos 1 hora ou até perceber que está macio. Se usar panela de pressão, o tempo diminui bastante, mas cuidado para não perder o ponto.
2. Enquanto o feijão cozinha, pique os outros temperos.

2ª etapa
Ingredientes
2 cenouras médias em rodelas
3 batatas pequenas em pedaços
2 linguiças calabresas e 1 linguiça paio em rodelas previamente fritas

1. Quando o feijão estiver quase cozido, adicione a cenoura, a batata e as linguiças à panela e deixe cozinhar até amaciarem. Reserve.














3ª etapa
Ingredientes

200 g de lombo de porco fresco
200 g de barriga de porco (bacon fresco)
200 g de osso buco (opcional)
200 g de costelinha
2 colheres de sopa de óleo 
alho, sal e pimenta do reino a gosto para temperar as carnes previamente (no dia anterior)

1. Numa panela à parte, de fundo grosso ou de ferro batido, aqueça o óleo e coloque, aos poucos, as carnes de porco previamente temperadas. Adicione aos poucos para dourar bem cada uma delas. 
2. Quando estiverem todas bem douradinhas, adicione água aos poucos para terminar o cozimento. Reserve, com um pouco de caldo do cozimento.





4ª etapa
Ingredientes

2 tomates picados sem pele e sem semente
3 dentes de alho amassados
1 pimenta dedo de moça picada sem as sementes
1/2 pimentão vermelho
1 cebola média picada
1 talo de alho poró cortado em lâminas
2 colheres de sopa de óleo
cheiro verde picado a gosto

1. Numa panela grande, aqueça o óleo e coloque a cebola e o alho. Deixe dourar. 
2. Adicione o alho poró, o pimentão, a pimenta e os tomates. Mexa bem até ficarem cozidinhos.

3. Então, acrescente aos poucos o feijão preparado na 1ª etapa e as carnes de porco já cozidas. Deixe ferver, prove o sal e na hora de servir, jogue cheiro verde em cima. 



Sirva bem quente com arroz branco bem soltinho.

Depois, é só receber os elogios. Vale a pena cada esforço pra fazer essa comida deliciosa!!!!!




Musseline de batata baroa com frango na laranja


Musseline é o nome chic de purê...
Mas enfim, a receita é boa, faz bonito e nada melhor que incrementar com elementos diferentes, aí se consegue um bom efeito.
No lugar da batatinha inglesa, use batata baroa ou abóbora japonesa.
E para assar o frango, use suco de laranja para garantir o gratinado douradinho e a carne macia.
E utilize um bom queijo para decorar. Usei parmesão faixa azul (ralado na hora, é sempre melhor).

Ingredientes

4 batatas baroas médias
+- 1 copo de água
1/2 copo de leite
pitada de sal
1 colher de sopa de margarina
2 colheres de sopa de requeijão ou creme de leite

1 kg de coxa/sobrecoxa de frango
1 xícara de suco de laranja
3 dentes de alho amassados
sal a gosto
2 colheres de sopa de molho shoyo
5/6 fatias de bacon
1 colher de sopa de mostarda de Dijon (opcional)
2 colheres de sopa de maionese (pode usar a light)


Modo de fazer

1. Comece temperando o frango. Faça uma mistura com o alho, suco de laranja, sal, shoyo, mostarda e a maionese. 

2. Depois de limpar e lavar o frango, passe o frango nessa mistura e coloque numa assadeira.

3. Leve para assar em forno moderado, coberta com papel alumínio, por uns 35 min. Depois desse tempo, coloque as fatias de bacon por cima do frango e volte ao forno, sem o papel, para dourar e assar o bacon.

4. Enquanto assa, prepare a musseline.

5. Numa panela, cozinhe as batatas baroas descascadas e picadas com a água. 

6. Quando estiver macia, escorra e esprema ou passe por peneira.

7. Volte para a panela e junte o sal a gosto, a margarina, o leite e o requeijão. Mexa tudo e cozinhe só até misturar bem. Deve ficar em consistência de um creme leve, porém consistente.

8. Sirva junto com o frango e decore com queijo ralado.