Google+ Followers

Salada de repolho roxo com maçã e aceto de Modena

Saladinha de repolho roxo é gostosa, bonita e atraente aos olhos.
Eu nunca resisto e como um montão.

Ingredientes

1/2 repolho roxo picado fininho
1 maçã cortada em tirinhas
2 colheres de sopa de uva passa
salsinha picada a gosto
1/2 cebola fatiada fina
sal a gosto
pitada de ajinomoto a gosto
1 colher de sopa de vinagre branco
2 colheres de sopa de azeite de oliva
1 tomate fatiado sem semente
douceur*de aceto balsâmico di Modena a gosto (opcional - usado para decorar)




* dicas logo abaixo



Modo de fazer

1. Misture numa travessa o repolho, a maçã, uva passa, cebola, salsinha e tomate.

2. Adicione o vinagre, sal, ajinomoto, vinagre, azeite e misture bem.

3. Transfira para uma travessa baixa e decore com o aceto e folhas de salsa. Sirva a seguir.







aceto balsâmico é uma variedade de vinagre proveniente da Itália, especificamente da região Emilia Romagna, na cidade deModena. Esse é um delicioso ingrediente usado para potencializar o sabor do pão, sendo também muito utilizado no preparo de saladas e pratos diversos.
Seu aroma, magia e textura únicos são obtidos graças ao preparo que, semelhante ao que acontece com os vinhos, passa por barris de madeira, onde permanece para fermentação. O resultado é umaceto de sabor forte e agridoce, um aroma ácido, mas sem ser agressivo.
Muito se tem falado sobre suas propriedades antioxidantes, bem como sobre sua combinação com pães e pratos salgados. Sem dúvida, sua presença na gastronomia atual passa pelo sabor de saladas básicas, até o preparo de carnes, peixes e frangos.



Molho de cogumelo fresco com filé de carne


Vira e mexe falo de cogumelos. E sempre que posso, experimento um tipo diferente. 

Já falei antes sobre os benefícios desse importante aliado da nossa saúde e dieta em outros posts anteriores.

Confira aqui algumas dicas e visite também esse blog (logo abaixo) que contém muita informação interessante sobre tipos de cogumelos: http://www.confrariadoschefs.com/2011/11/tipos-de-cogumelos.html.

Essa receita é muito fácil e saborosa. Juntei cogumelo paris (champignon fresco) e shimeji para fazer esse molho que acompanha muito bem o filezinho de alcatra ou filé mignon.

Para ficar mais saudável e light, troquei o vinho por suco de uva integral. Diminuí também a quantidade de óleo para gratinar a carne.


Ingredientes

150 g de shimeji
150 g de cogumelo paris cortado em lâminas
1/3 cebola média fatiada
1 copo de suco de uva integral (branco ou escuro) (pode utilizar vinho)
1 colher de sopa de vinagre de modena cremoso (doucer) - se não encontrar em lojas especializadas, use shoyo e açúcar mascavo (1/2 colher de sopa de cada)
sal a gosto
pimenta do reino a gosto
200 g de filé de miolo de alcatra ou filé mignon
1 colher de sopa de óleo de canola 
1 colher de sopa de margarina

Modo de fazer

1. Lave rapidinho os cogumelos e coloque sobre um pano de prato para secar.


2. Tempere os filés com sal e pimenta do reino a gosto. 

3. Aqueça numa frigideira grande o óleo e a margarina e doure os filés (um pouco de cada vez para não encher de água). Reserve.

4. Na mesma panela, coloque a cebola e deixe dourar um pouco. Em seguida, coloque os cogumelos e mexa até ficarem cozidos (não mais que 5 minutos).

5. Acrescente o suco de uva e o creme de modena, mexa bem e deixe apenas ferver.


6. Coloque os filés já grelhados, mexa bem e sirva com arroz branco e uma salada verde.



Rabada - com agrião

Só de olhar a foto eu já fico com água na boca...
Adoro carnes ao molho e a rabada é uma das preferidas, ainda mais quando fica bem cozida a ponto de desfiar do ossinho!
Com jeitinho, a gente retira bem a gordura e nem fica tão calórica :)

E a gente ainda usa a desculpa de que é acompanhada por agrião :)

Ingredientes

+- 1 kg de rabada (as mais finas cozinham mais rápido)
2 colheres de sopa de óleo
4 dentes de alho amassados
2 folhas de louro 
1 colher de sopa de colorau
1 cebola grande picada
2 tomates maduros picados
1/3 pimentão vermelho - opcional
sal e pimenta do reino a gosto
1 pimenta dedo de moça picada sem a semente
1 maço de agrião fresco
3 batatas médias em pedaços - opcional
cheiro verde picado a gosto

Modo de fazer

1. Limpe bem a carne, retirando toda a gordura da rabada. Tempere na véspera do preparo ou logo cedo com alho, sal e a pimenta do reino. Reserve numa vasilha fechada na geladeira (se for de um dia para o outro).

2. Numa panela de pressão, aqueça o óleo e coloque a carne já temperada, virando até ficar bem dourada.

3. Adicione o colorau (corante), cebola, tomate, pimentão, pimenta dedo de moça e o louro. Mexa bem e espere cozinhar os temperos. 

4. Em seguida, coloque água aquecida, suficiente para cobrir a carne e deixe cozinhar por aproximadamente 1 hora em fogo baixo. (No meio do tempo, abra a panela e verifique o cozimento e o sal). 
Se precisar, cozinhe mais meia hora, pois depende da panela e do fogo de cada fogão. O tempo varia, e depende também do gosto de cada um quanto ao cozimento da carne. Em geral, 1 h e 40 m é suficiente.

5. Após esse tempo, quando estiver bem cozida, acrescente a batata e deixe mais 5 minutos com a panela de pressão tampada.

6. Abra e verifique o cozimento da batata e então, adicione o agrião e o cheiro verde e apenas abafe com a tampa para completar o cozimento do agrião. Não é necessário levar à pressão. Não se preocupe com a quantidade de agrião, pois vai murchar bastante.

7. Sirva quente com arroz branquinho e soltinho.

Eu gosto de servir com fatias de pão italiano douradas no forno com azeite e alho. Também gosto de fazer um pirão com o caldo que fica... aí é só colocar o caldo numa panelinha à parte e dissolver umas duas colheres de sobremesa de farinha de mandioca em 2 xícaras de caldo. Leve para ferver e pronto! Coloque molho de pimenta, se gostar.

Em noites frias, fica uma delícia! Chame os amigos e aproveitem!



Bolo de milharina com leite de côco

Bolo de fubá, de milharina, de milho são tão gostosos quanto fáceis de fazer.
Eu adoro! Com cafezinho então :)

Esse eu mesma criei e me orgulho, porque ficou bem fofinho!

Ingredientes

2 xícaras de chá de milharina
1 vidro de leite de coco pequeno
50 g de coco ralado
1 xícara de chá de queijo minas ralado
1 xícara de chá de leite
2 colheres de sopa de farinha de trigo
3 ovos
3/4 xícara de óleo
1 colher de sopa de margarina
1 xícara de açúcar
1 colher de sopa de fermento em pó

Modo de fazer

1. Bater todos os ingredientes molhados (óleo, ovos, leite, leite de coco, margarina) no liquidificador e vá adicionando aos poucos, mas batendo sempre, a farinha, a milharina, coco ralado, açúcar, queijo e por último, o fermento, apenas misturado.

2. Leve para assar em forno moderado. Sirva morninho.


Abóbora assada com mel


Adoro abóbora e adoro mais ainda legumes assados.
Ficam mais saudáveis, mais firmes e mais bonitos.
Abóbora assada com mel é bem atual e resolvi adicionar uns temperinhos meus, como pimentão vermelho que fica delicioso assado.

Usei a abóbora japonesa (tb conhecida como cabochá) - foto abaixo, é mais docinha e tem consistência mais firme.




Acompanha bem carnes assadas...
E se sobrar, faça um purê ou caldo.

Ingredientes 

meia abóbora cortada em tiras (pode assar com a casca)
1 pimentão vermelho cortado em pedaços grandes
2 colheres de mel
sal e pimenta do reino a gosto
azeite de oliva a gosto



Modo de fazer

1. Lave a abóbora e corte em tiras grandes.

2. Coloque em refratário e espalhe os pedaços de pimentão.

3. Salpique sal e pimenta do reino a gosto (usei também pimenta calabresa seca).

4. Regue com fio de azeite e o mel.

5. Leve para assar em forno de médio a quente. Sirva quente.


Adicionei as sementes torradas para enfeitar

Creme de queijo com cerveja e bacon




Nesse friozinho, tem receita melhor do que os caldos quentes? São as chamadas comidas "confortantes".
Esse creme de queijo é bem elaborado, mas muito saboroso e além disso, faz bonito numa recepção. 
Receitinha adaptadíssima do glorioso chef Chuck, do GNT.

Ingredientes

1 garrafa de cerveja de boa marca (usei Stella Artois)
2 dentes de alho amassados
sal e pimenta do reino a gosto
2 colheres de azeite de oliva
3 xícaras de queijo ralado grosso (pode ser parmesão, muçarela, provolone, gruyère, gouda - mas o ideal é misturar 2 tipos, um suave e outro com sabor mais marcante)
3 xícaras de espinafre já cozidos
1 pão italiano 
200 g de bacon em fatias finas
pimenta calabresa (opcional)

Modo de fazer

1. Pegue o espinafre e retire as folhas. Aqueça o azeite de oliva e jogue as folhas para cozinharem até murcharem. Tempere com uma pitada de sal e pimenta do reino. Reserve.

2. Frite o bacon numa frigideira e retire para escorrer em papel toalha. Reserve a panela com o óleo que ficou da fritura do bacon.

3. Prepare o pão, retirando o miolo com cuidado. Pique em quadradinhos essa parte retirada e frite-os levemente na mesma panela em que fritou o bacon. Leve para dourar no forno. Reserve esses crôutons.

4. Prepare o creme. Numa panela funda, aqueça a cerveja, adicione o alho amassado, o sal e a pimenta do reino a gosto. 

5. Quando estiver bem quente, adicione o queijo ralado e aguarde que derreta. Em seguida, coloque o espinafre e a pimenta calabresa. Mexa bem. 

6. Coloque esse creme com cuidado no pão italiano, salpique o bacon frito e sirva quente em pequenas tigelinhas.



E depois, curta a festa com os amigos. Se for em junho, festa junina, com certeza....


Moqueca de peixe com leite de côco

Tava com vontade de comer um peixe leve, mas com um molho encorpado e bem aromatizado com ervas e leite de côco.

No freezer tinha linguado e aí, foi um pulo!

INGREDIENTES

800 g de filé ou postas de peixe (linguado, dourada, pescada amarela, tilápia)
1 lata de tomate pelado (ou 3 unidades frescos picados)
1 vidro de leite de côco
3 colheres de sopa de azeite de oliva
1 cebola média picadinha
3 dentes de alho amassados
1 cubo de caldo de peixe
sal e pimenta a gosto
1 punhado de cheiro verde, tomilho e manjericão fresco
1 raminho de alecrim fresco (opcional)
5 batatas pequenas pré-cozidas

Modo de fazer

1. Tempere dos filés de peixe com sal e pimenta do reino a gosto e 1 colher de sopa de azeite de oliva (ajuda a hidratar a carne do peixe). Reserve.

2. Numa frigideira grande ou wok, coloque o restante do azeite para aquecer e nele frite a cebola e o alho. Depois adicione os tomates e os temperos verdes.

3. Acrescente o sal e pimenta do reino, o caldo de peixe e o leite de côco.


4. Quando virar um caldo grosso, coloque delicadamente as postas (ou filé) de peixe e as batatas.

5. Se for colocar o alecrim, esse é o momento. Serve  para perfumar o peixe.

6. Deixe ferver até que o peixe esteja cozido e as batatas macias.











7. Ao final, antes de servir, salpique mais um pouco de cheiro verde fresco.




Biscoito de leite condensado


Receitinha da mamãe!

Meus kids adoram biscoitinho assado. De polvilho, de maizena, de coco, de nata... 
Esse tem leite condensado e o ponto é super fácil.

INGREDIENTES

1 lata de leite condensado
500 g de maizena
3 gemas
1 pitadinha de sal
2 colheres de sopa de margarina

1. Numa vasilha, coloque todos os ingredientes, sendo as gemas por último.

2. Sove bem até sentir a massa uniforme, soltando das mãos.

3. Modele no formato que desejar e coloque-os num tabuleiro untado com margarina.

4. Leve para assar em forno pré-aquecido, até perceber que está começando a corar. Não pode assar demais, senão fica mais seco e duro.










Pizza com massa de carne moída

Pizza é tudo de bom!

Já diriam nossos filhos. E vamos combinar que pizza é mesmo uma delícia.

Essa receita foi dada pela Ana Maria Braga e pela Nigella. Essa aqui é a minha adaptação das duas! :)

Foge do padrão por ser massa de carne moída, pra quem quer exluir carboidrato e mais proteína, cai bem. E leva pouco óleo. 




INGREDIENTES

500 g de carne moída de primeira (patinho, coxão duro)
1 colher de sopa de mostarda (Dijon, de preferência)
1 cebola pequena picadinha
2 colheres de sopa de cheiro verde (salsa)
2 ovos
2 colheres de sopa de farinha de rosca
2 dentes de alho amassados
1 colher de chá de sal
pimenta do reino a gosto

MONTAGEM
300 g de queijo muçarela ralado grosso
1 lata de tomates pelados
um punhado generoso de ervas frescas: manjericão, orégano, ervas de provence ou ervas finas, sal a gosto, pimenta do reino e azeite de oliva a gosto
1 dente de alho amassado
azeitona 


1. Numa vasilha, misture a carne moída e os demais ingredientes. Misture bem. 



2. Em uma forma própria para pizza, untada com azeite de oliva, espalhe a carne temperada, e espalhe bem, alisando com a mão molhada.

3. Leve para assar em forno pré-aquecido por uns 13 minutos.



4. Enquanto isso, rale o queijo e prepare o molho de tomate.

5. Numa vasilha, misture o tomate picado, as ervas, o alho, a azeitona e azeite de oliva. Mexa bem.



6. Quando a massa estiver assada, espalhe a muçarela em cima e por último, o molho de tomate. Se preferir, use mais manjericão fresco.

7. Volte ao forno para o queijo derreter. Sirva quentinha!

Obs. se não tiver ervas frescas, use as desidratadas mesmo. E se não tiver tomate pelado em lata, use tomates italianos sem a pele.
Pode variar também adicionando uma lata de atum ou sardinha ao molho.